Sexta, 19 de Agosto de 2022
27 99902-4179
Geral Solidariedade

Ales recolhe donativos e realiza sessão extraordinária para ajudar a população capixaba vítima da chuva

A informação foi divulgada pelo presidente Erick Musso ao vivo em transmissão pelo seu Instragram.

10/01/2022 12h44
Por: Redação O Diário Fonte: da redação
Assembleia Legislativa do Espírito Santo
Assembleia Legislativa do Espírito Santo

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Erick Musso (Republicanos), acompanha com total atenção e preocupação e já está mobilizado para ajudar os capixabas que enfrentam problemas com as fortes chuvas que têm trazido uma série de transtornos a uma parte da população do Estado.

Uma dessas ações, como explicou Musso, em uma live no Instagram realizada nesta segunda-feira (10) é a arrecadação de donativos para as vítimas das chuvas. A partir dessa segunda-feira até sexta-feira (14), do meio-dia às 18 horas, a Casa estará recolhendo donativos, na portaria do térreo da Ales que serão encaminhadas às regiões que estão precisando dessa ajuda. A população pode ajudar com materiais de limpeza, higiene pessoal, roupas e colchões. Erick Musso ressalta que conta com a solidariedade da população para “atender aos irmãos capixabas”.

O presidente da Ales também informa, ainda, que está tomando uma outra importante medida administrativa. Mesmo com a Assembleia Legislativa em recesso, Erick Musso já convocou uma Sessão Extraordinária para a próxima quarta-feira (12), às 9 horas, para votar a solicitação de um decreto de calamidade solicitada pelo município de São José do Calçado.

“Vamos realizar uma Sessão Extraordinária híbrida, com a participação de uma parte dos deputados e deputadas em plenário e outro por meio remoto. Desde já agradeço a sensibilidade e o compromisso de todos os nossos parlamentares nesse difícil momento enfrentado por parte de nossa população”, afirma o presidente da Ales.

Erick Musso também faz uma importante observação: que aqueles municípios, além de São José do Calçado, que também sentirem a necessidade de se utilizar do decreto de calamidade pública, podem encaminhá-lo para a Ales que será votado também na próxima quarta-feira.

“Todos os 78 municípios capixabas mas principalmente os que vêm enfrentando esse imenso desafio causado pelas chuvas podem contar com a Assembleia Legislativa e com todos os seus deputados e deputadas. Estamos ao lado de nossa população nesse difícil momento. O que precisarem e estiver ao nosso alcance os municípios serão atendidos”, frisa Erick Musso.

Situação

Há uma grande preocupação porque há 38 alertas de risco alto e moderado para alagamentos e deslizamentos de terra causados pelas chuvas. A informação é da Defesa Civil Estadual que aponta que Ibatiba, Cachoeiro, Ibitirama, Guaçuí e Iúna estão com alto risco de deslizamentos de terra. Já Linhares, Colatina, Alegre, Baixo Guandu e Cachoeiro correm risco de inundações. Também muitas outras cidades do Sul do Estado correm risco moderado. Ainda de acordo com a Defesa Civil são, até o início dessa segunda-feira, 371 desalojados e 17 desabrigados.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.